Governo do Distrito Federal
9/01/23 às 15h10 - Atualizado em 9/01/23 às 15h15

Escola de Governo certifica 56,9 mil servidores em quatro anos

COMPARTILHAR

Foram 726 turmas presenciais e 667 a distância nesse período; catálogo de cursos cresceu 337%

 

Durante a primeira gestão Ibaneis Rocha, a Egov ofertou 726 turmas de cursos presenciais | Fotos: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

 

Formular, promover e coordenar a política de formação, capacitação e desenvolvimento dos servidores públicos do Governo do Distrito Federal. Essa é a missão da Escola de Governo (Egov), que certificou 56.926 servidores públicos nos últimos quatro anos, um aumento de 16,90% em relação ao período de 2015 a 2018. A instituição de ensino integra a estrutura da Secretaria de Planejamento, Orçamento e Administração (Seplad).

 

Ao todo, durante a primeira gestão do governo Ibaneis Rocha, a instituição ofertou 726 turmas de cursos presenciais e 667 turmas de curso a distância, incluindo as atividades de videoconferências. Segundo a diretora-executiva da Egov, Juliana Tolentino, esse resultado é reflexo de uma gestão comprometida com a administração pública.

 

“O resultado da escola vai ao encontro dos objetivos do governo Ibaneis Rocha, entre eles o de valorizar os servidores públicos por meio de capacitações. Ou seja, mecanismos que ampliem a capacidade de execução de serviços e de gestão para resultados, melhorando o atendimento aos cidadãos”, afirma.

 

Desde 2019, a Egov realizou um total de 1.393 eventos. “O nosso foco, desde o início, era obter o reconhecimento como um centro de excelência na formação, na qualificação, na capacitação e no desenvolvimento dos servidores públicos do GDF. Acolhemos com atenção todos os processos recebidos e trabalhamos arduamente para conseguir atender às demandas de cursos e atividades solicitadas à escola”, acrescenta.

 

O secretário de Planejamento, Orçamento e Administração, Ney Ferraz, comemora os resultados obtidos pela escola. “Trata-se de um reflexo da atenção do governador Ibaneis Rocha com o servidor e o funcionamento da administração pública”, destaca.

 

Segundo Ferraz, a valorização e qualificação dos servidores foi uma marca da primeira gestão do governador. “Quando o GDF dá melhores condições aos trabalhadores, os reflexos são diretos na qualidade dos serviços prestados à população”.

 

Impactos positivos

 

Com a pandemia de covid-19, surgiram novos desafios e a Egov se reinventou para conseguir atender às demandas. Com a conjuntura imposta à época, os cursos de Educação a Distância (EaD) tiveram mais visibilidade e procura. A instituição aperfeiçoou e ampliou o catálogo nesta modalidade, aumentando de oito cursos em 2018 para 35, ou seja, um crescimento de 337% na oferta. Os cursos online bateram recorde de inscrições, em todos os anos consecutivos.

 

A Egov habilitou 350 servidores com a formação em Libras, a língua de sinais

 

Na modalidade presencial, os resultados também foram surpreendentes. Em geral, mesmo com a pandemia, ao compararmos os números de certificações com os quatro anos da gestão anterior, a Egov certificou 8 mil servidores públicos a mais.

 

A gestão segue seu compromisso com a política de formação. “O crescimento do número de certificações evidencia a nossa dedicação e engajamento com o cumprimento das metas estabelecidas. Atualmente, a Egov disponibiliza um diversificado catálogo de cursos a distância autoinstrucionais e presenciais, com quase 300 temas, para melhor atender à demanda dos servidores do GDF. Tanto a modalidade presencial quanto a de EaD tiveram êxito, e os resultados alcançados pela instituição foram extraordinários”, conclui Juliana Tolentino.

 

A secretária executiva de Gestão Administrativa da Seplad, Ana Paula Cardoso da Silva, destaca o alcance das inciativas da Egov. “São ações que beneficiam servidores de toda a administração direta e indireta do Distrito Federal. Capacitações, treinamentos, seminários e outras atividades que repercutem na qualidade dos serviços entregues pelo GDF”, reforça.

 

Outros destaques

 

 

A escola também inovou ao implementar, em 2021, o curso de línguas. O projeto oferta cursos de inglês e espanhol e obteve uma grande procura nas inscrições desde primeira turma. Outro curso, que merece destaque é o de Libras. A instituição habilitou 350 servidores com a formação da língua de sinais.

 

A escola proporcionou ainda o seminário Combate e Prevenção ao Assédio no Setor Público e o Fórum de Sustentabilidade, temas relevantes e atuais para o progresso da máquina pública.

 

Entre os destaques das entregas realizadas pela escola, vale ressaltar a reimplantação e modernização do Programa de Bolsas de Estudos junto ao UDF, que já contemplou, com 653 bolsas de estudos, servidores públicos e representantes da sociedade civil.

 

Para saber mais informações e se inscrever nos cursos ofertados pela Escola de Governo, acesse https://egov.df.gov.br/.

 

Por Agência Brasília 07/01/2023

Escola de Governo - Governo do Distrito Federal

EGOV

SGO Qd.01 Lote 01 Bloco A/B - Brasília/DF - CEP: 70610-610