Governo do Distrito Federal
25/02/22 às 19h06 - Atualizado em 25/02/22 às 19h13

EGOV realiza curso de Design Thinking no serviço público

COMPARTILHAR

 
A primeira turma de 2022 foi composta por servidores de diferentes órgãos do GDF
 

 
Com o objetivo de tornar a Administração Pública cada vez mais moderna e eficiente, o Governo do Distrito Federal (GDF) fomenta, por meio da Escola de Governo do Distrito Federal (Egov), órgão vinculado à Secretaria Executiva de Valorização e Qualidade de Vida (Sequali) da Secretaria de Estado de Economia (Seec), a prática de inovação na Administração Pública do Distrito Federal.
 
Nesta semana, a Egov realizou o curso Design Thinking no serviço público e certificou dez servidores públicos na capacitação de 20 horas. O curso foi realizado na modalidade presencial e ministrado pelo instrutor Rogério Leitão.
 
Leitão explicou que o foco da capacitação é a melhoria das atividades de rotina e do atendimento na Administração Pública. “Design Thinking para o serviço público traz uma abordagem centrada no cidadão e utiliza uma metodologia que cria soluções inovadoras para os desafios da Administração Pública”.
 
O instrutor celebrou os resultados obtidos com a primeira turma de 2022. “Com muito orgulho, estamos concluindo a capacitação desses servidores públicos. Essa turma trabalhou, de forma excepcional, uma série de proposições que podem impactar diretamente toda a sociedade. O nosso desafio na metodologia é solucionar as demandas, e essa turma atingiu o resultado esperado, a partir de ideias pioneiras, que podem transformar-se em projetos auspiciosos”, afirmou Leitão.
 
A diretora-executiva da Egov, Juliana Tolentino, e a chefe do Departamento de Desenvolvimento e Formação da Egov (DEDF), Fabíola Salomon, fizeram questão de participar das apresentações finais da primeira turma de formandos de 2022.
 
“Fiquei muito satisfeita com os projetos finais apresentados pelos cursistas. Essa atividade é promissora e já evidencia que a Administração Pública Distrital terá projetos vindouros de políticas públicas transformadores”, comemorou a diretora-executiva da Egov.
 
A chefe da DEDF, Fabíola Salomon, que foi uma das alunas do curso de Língua Brasileira de Sinais (Libras), ofertado pela Egov, empenhada na ampliação da inclusão das pessoas com deficiência nos cursos da instituição, destacou que o projeto para a difusão da Língua de Sinais foi motivador.
 
“Essas apresentações demonstram que as capacitações sobre inovação serão a grande novidade para 2022. O Projeto Beethoven para deficientes auditivos, sem dúvida, é promitente. Estou muito satisfeita, porque o nosso objetivo é preparar o servidor para a inovação”, disse Salomon.
 
O cursista Akio Watanabe, servidor da Secretaria de Economia (Seec), também dividiu sua satisfação com o curso. “Foi inspirador participar desta capacitação, com uma turma motivada e engajada, pois é um curso disruptivo, que inova na metodologia, desde compreender o problema até planejar de forma criativa até retornar com uma solução inteligente”, declarou Watanabe.
 
A Egov tem a missão de formular, promover e coordenar a política de capacitação e desenvolvimento dos servidores públicos do Distrito Federal.
 
Para mais informações sobre os cursos ofertados pela Escola, clique aqui.
 
Por Fabrícia Neves

Escola de Governo - Governo do Distrito Federal

EGOV

SGO Qd.01 Lote 01 Bloco A/B - Brasília/DF - CEP: 70610-610