Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
1/12/17 às 14h41 - Atualizado em 1/12/17 às 15h09

Cooperação técnica internacional em debate

COMPARTILHAR

 

A EGOV, juntamente com o Ministério das Relações Exteriores (MRE), por intermédio da Agência Brasileira de Cooperação (ABC), promoveu o segundo treinamento em cooperação técnica internacional.

O evento, sediado pela EGOV, é fruto do protocolo de intenções assinado em 2015 pelas entidades citadas. Ao todo, foram cinco dias de atividades, num total de 28h de exposições, painéis e debates, em quatro módulos, onde a pauta central foi o engajamento de entes subnacionais e entidades, conveniadas da ABC, que atuam no cenário internacional por meio de projetos em execução ou em negociação de cooperação internacional. Ao todo, foram inscritos 53 servidores na atividade, sendo que 17 deles foram indicadas pelo MRE, de unidades de cooperação de diferentes unidades da federação. Participarão agentes do Corpo de Bombeiros do DF, do DETRAN, da Terracap, do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), da Organização das Nações Unidas Para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO), do Escritório das Nações Unidas de Serviço de Projetos (UNOPS), dentre outros.

 

Para o diretor executivo da EGOV, o curso é uma das grandes conquistas da gestão. “Incentivar que organismos do governo possam sugerir, planejar e implementar ações conjuntas com outros governos e trocar know-how favorece o sucesso de boas práticas de gestão de projetos e cooperação. Temos certeza que a atividade renderá bons frutos. Para 2018 vamos abrir uma nova turma com o tema, em parceria com todos os agentes envolvidos”, destacou o professor José Wilson Granjeiro.

 

“No programa da capacitação oferecida pela EGOV, o debate pontou questões históricas, os pelos princípios da cooperação brasileira, as parceiras para gestão e execução de projetos de cooperação, envolvendo tópicos e práticos”, completou o diretor.

 

Sobre a ABC:

 

O trabalho da ABC se alinha a importantes metas da cooperação internacional, uma vez que a Agência é uma entidade protagonista na negociação e na supervisão dos diferentes programas e projetos implementados junto a parceiros bilaterais, regionais e multilaterais, além de representante oficial do Governo Federal nas ações de cooperação técnica. Segundo dados do órgão, o Brasil vem trabalhando em parceria com países amigos e organismos internacionais há cerca de seis décadas. Os programas e projetos de cooperação geram benefícios em importantes setores como desenvolvimento social, gestão pública, meio ambiente, energia, agricultura, educação e saúde, o que permitiu construir instituições mais sólidas, aptas a desempenhar suas funções em nível superior de excelência.

 

A capacitação em cooperação técnica internacional desperta grande interesse num amplo segmento da sociedade, incluindo setores governamentais, e o público em geral, por possibilitar um acesso mais ágil a tecnologias, conhecimentos, informações e capacitação.

 

Para conhecer mais sobre o tema, acesse http://www.egov.df.gov.br/cooperacao-tecnica-internacional-turma-1/

* Com informações do site da ABC.

 

 

 

 

 

Escola de Governo - Governo de Brasília

SGO Qd. 01 Lote 01 Bloco a - Brasília/DF - CEP: 70610-650