Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal

Módulo carrossel de destaques principais

 

A EGOV é o órgão responsável pelo aperfeiçoamento dos conhecimentos, das habilidades e das atitudes dos servidores do Governo do Distrito Federal. Para isso, oferece uma série de cursos, palestras e outras atividades, durante todo o ano.

 

As primeiras atividades presenciais de 2018 estão com inscrições abertas. As capacitações são gratuitas e com direito a certificado de conclusão com cumprimento mínimo de 80% da carga horária prevista.

Estão disponíveis os cursos de:

 

Excelência no atendimento ao cidadão – tem o objetivo reconhecer a importância do bom atendimento ao cidadão, o papel do atendente como agente público e identificar as competências essenciais ao atendimento de qualidade na busca da excelência na prestação dos serviços públicos.

 

Elaboração de Projeto Básico e Termo de Referência – o curso visa a capacitar os participantes para a elaboração e o aprimoramento dos instrumentos que nortearão a condução de licitações e a posterior execução contratual.

Gestão e fiscalização de contratos – tem o propósito de uniformizar os procedimentos relacionados à gestão e à fiscalização de contratos administrativos na administração pública, atualizar os participantes na legislação vigente acerca da gestão e da fiscalização de contratos administrativos.

 

Lei Complementar nº 840/2011 – tem o intuito de oferecer aos participantes visão sistêmica sobre a legislação específica aplicada aos servidores do Distrito Federal no que diz respeito às suas peculiaridades bem como sobre os direitos, deveres, garantias e penalidades aplicáveis.

 

Processo Disciplinar – apresenta aos participantes visão ampla dos procedimentos disciplinares, para que possam atuar de forma eficiente e eficaz em comissões de sindicância e em Processo Administrativo Disciplinar.

As inscrições podem ser feitas diretamente no site da Escola de Governo. Na página, estão disponíveis as informações sobre cada atividade, como carga horária, conteúdo programático e metodologia.

 

Para saber mais, acesse www.egov.df.gov.br.

 

A Controladoria-Geral do Distrito Federal, anunciou na manhã do dia 8 de dezembro, os Centros de Ensino Fundamental e Centros Educacionais premiados no projeto Controladoria nas Escolas – Prêmio Escola de Atitude, durante cerimônia no auditório do Museu da República, no Setor Cultural Sul. Esta primeira edição da premiação laureou dez escolas e trinta professores que cumpriram as atividades previstas no regulamento do prêmio, cujo objetivo é estimular a cidadania ativa de estudantes e professores no ambiente escolar. O processo foi descontraído, em formato de gingana, compreendendo cinco etapas.

 

Ao todo, o projeto contou com a participação ativa de 104 escolas públicas da rede de ensino do DF, envolvendo cerca de 4.000 alunos e 290 professores, que foram estimulados, por meio de ações, visando a contribuir com a disseminação de conhecimentos e práticas de participação e controle social, combate à corrupção, ética, entre outros.

 

Após entoarem com energia o Hino Nacional e o Hino de Brasília, estudantes e professores conheceram os 25 trabalhos finalistas, por meio de um vídeo. As dez unidades educacionais vencedoras do projeto, anunciadas na sequência, receberam um total de R$ 140 mil, sendo o maior prêmio, de R$ 50 mil, destinado ao primeiro colocado, o Centro Educacional 15 de Ceilândia. Já os professores orientadores de cada projeto premiado (três de cada escola) receberão bolsas de mestrado e especialização, que serão custeadas com recursos provenientes do Fundo de Melhoria da Gestão Pública (Pró-Gestão) e devem somar mais de meio milhão de reais.

 

A solenidade contou com a presença da colaboradora do governo, Márcia Rollemberg; do Controlador-Geral do DF Henrique Ziller; da Secretária de Planejamento, Orçamento e Gestão, Leany Lemos; do Secretário de Educação, Júlio Gregório; do Deputado Distrital Israel; do Diretor-Executivo da Escola de Governo, professor José Wilson Granjeiro; de diretores de regionais de ensino e de outras autoridades. Também esteve no evento Emile Roiser, representante da MIT Midia Lab, empresa sediada em Massachusetts (Boston), que apresentou um aplicativo difundido em todo o mundo que trabalha controle e fiscalização e foi utilizado pela Controladoria-Geral para fazer a auditoria cívica e apresentar os desafios, batizado de Monitorando a Cidade. “Executivos parceiros de todo o mundo estão impressionados com a atitude desses jovens. Afinal, reclamar e documentar o problema é fácil. Os estudantes não esperaram o dinheiro do prêmio para colocar a mão na massa. Para nós, que somos uma instituição de tecnologia, é uma inspiração”, falou Emile entusiasmada.

 

Para Márcia, é gratificante ver os jovens envolvidos apropriando-se do espaço da escola. “É uma rede do governo trabalhando para ampliar as oportunidades de formação de cidadania dentro das escolas”, disse.

 

Para Henrique Ziller, que visitou 12 escolas participantes do prêmio, o que mais chamou a sua atenção foi a capacidade de os alunos entenderem o objetivo do projeto. “Essa é a melhor maneira de lutar contra a corrupção. Quando o cidadão entende que o bem público pertence a ele, ele cuida”, ressaltou Ziller.

 

Confira a relação das escolas premiadas:

 

1o lugar: CED 15 – Ceilândia

2o lugar: CED 310 – Santa Maria

3o lugar: CED 03 – Planaltina

4o lugar: CED Gesner Teixera – Gama

5o lugar: CEF Pipiripau II – Planaltina

6o lugar: CEF Miguel Arcanjo – Taguatinga Norte

7o lugar: CED São Bartolomeu – São Sebastião

8o lugar: CED Taquara – Planaltina

9o lugar: CED 04 – Taguatinga

10o lugar: CEF do Bosque – São Sebastião

 

 

Outros dez trabalhos receberam troféu de reconhecimento pela ações propostas.

 

 

Para saber mais sobre a iniciativa, acesse http://www.controladorianaescola.df.gov.br/.

 

 

 

 

Transparência e integridade em temas previdenciários e os desafios dos Regimes Próprios de Previdência Social (RPPS) serão os temas discutidos, no próximo dia 8 de dezembro, na EGOV. As apresentações terão um total de 8 horas, das 8h às 12h e das 14h às 18h.

 

O encontro reunirá autoridades e especialistas em previdência, como Adler Anaximandro – Diretor-Presidente do Iprev/DF; Hélio Carneiro Fernandes – Coordenador de Interação e Relacionamento Institucional da Secretaria de Previdência Social; Gilberto Waller Júnior – Ouvidor-Geral da União; José dos Reis de Oliveira – Ouvidor-Geral do Distrito Federal; Cláudia Taya – Secretária de Transparência e Prevenção da Corrupção do Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União; Lúcio Carlos de Pinho Filho – Subcontrolador de Controle Interno do Distrito Federal; Antônio Carlos Leonel – Secretário de Controle Interno da União.

 

O debate irá contemplar os mecanismos de interação com o público de aposentados e sua implicação direta nos desafios vividos no RPPS do Distrito Federal bem como mostrará o papel dos órgãos de controle na gestão previdenciária, por meio da ouvidoria.

 

As inscrições poderão ser feitas no site da EGOV, até o dia 6 de dezembro.

 

Para mais informações, acesse http://egov.df.gov.br/inscricoes/.

De janeiro a outubro, foram mais de 18 mil servidores capacitados de acordo com as necessidades de áreas que demandaram treinamentos técnicos focados.

 

Desde 2015 a outubro de 2017, a Escola de Governo do DF (Egov) já certificou mais de 40 mil servidores, oferecendo mais que o dobro de cursos e palestras que os quatro anos da gestão anterior, quando foram 16.950 servidores qualificados. Além da quantidade, a Egov aperfeiçoou a qualidade dos treinamentos, oferecendo 88% dos cursos de acordo com a necessidade dos órgãos que demandaram treinamentos em 2017.

 

A partir de demandas internas dos órgãos, a Egov passou a desenvolver capacitações de forma personalizada, de acordo com as necessidades específicas de cada pasta e setor de atuação. Foram mais de 18 mil servidores certificados em áreas como: ferramentas eletrônicas, com treinamentos voltados para o Sistema Único de Gestão de Recursos Humanos (Sigrh), e o Sistema de Fiscalização de Contratos Corporativos, direcionado a executores de contratos do governo.

 

Na avaliação quantitativa, os resultados de janeiro a outubro de 2017 são: 18.472 servidores participantes de 148 cursos de capacitação, entre presenciais e à distância, de 96 órgãos e entidades atendidos, que somaram 496 turmas realizadas até a data.

 

Os resultados foram apresentados pela a secretária de Planejamento, Orçamento e Gestão e pelo diretor da Egov, durante Reunião do Acordo de Resultados da Seplag, na segunda-feira, 30/10.

 

A Sala de Estudo e Pesquisa da Escola de Governo do Distrito Federal, que carrega o nome do dramaturgo, ensaísta e poeta brasileiro Ariano Suassuna (1927-2014), tem como objetivo principal, agregar conhecimento e cultura na vida de quem a frequenta. Para isso, a sala conta com um acervo de cerca de 4 mil livros, e o acesso ao espaço é livre para toda a comunidade assim como o empréstimo de livros e o uso dos 6 computadores para estudo, como conta o estagiário João Paulo Santos, que faz o curso de Letras na Universidade de Brasília (UnB), e diz identificar-se muito com a Sala de Estudo Ariano Suassuna. “A Sala é bastante agradável e silenciosa, ideal pra quem procura um lugar calmo para fazer uma leitura, estudar e se aprofundar em algum assunto, e aqui temos todos os tipos de assuntos, desde livros voltados para concursos públicos até literatura brasileira e estrangeira”, explica o estudante.

 

A estagiária de direito Ana Paula Pereira Durães também fala um pouco sobre como é trabalhar na Sala de Estudo: “É um ambiente ideal para quem busca agregar conhecimento de todo tipo, além de ser um incentivo à leitura, pois é acessível a todos”. A jovem não esconde a satisfação em trabalhar na Sala de Estudo Ariano Suassuna: “Além de tudo, é uma oportunidade para mim, pois há bastantes livros voltados para o meu curso, e, como sempre recebemos doações dos coordenadores, instrutores e da própria comunidade, sempre estão atualizados e em bom estado”.

 

Nas paredes da Sala, podem-se observar quadros mostrando alguns dos principais pontos de Brasília, como o Parque da Cidade e a Catedral, imagens cedidas e assinadas pelo renomado fotógrafo Lincoln Iff.

 

 

 

O horário de funcionamento da Sala é das 8h às 18h.

Escola de Governo - Governo de Brasília

SGO Qd.01 Lote 01 Bloco A/B - Brasília/DF - CEP: 70610-610